Negada a adaptação de The Search para a televisão

Untitled-17

Estamos tendo muita neve na costa leste dos Estados Unidos (sem aulas), Justin Timberlake lançou um bom álbum recentemente e agora descobrimos que a Nickelodeon decidiu não apresentar a versão animada da comic The Search. Antes de xingar a Nickelodeon, talvez seja melhor você ficar por dentro de toda a história.

Mike DiMartino recentemente escreveu em seu blog explicando que enquanto a equipe estava trabalhando no Livro 1 de A Lenda de Korra, foi levantada a ideia de um filme animado da comic The Searh. Caso você não esteja sabendo sobre as HQ’s de Avatar, The Search é recentemente a mais nova trilogia de comics, a qual esperamos que seja revelada toda a história da mãe do Zuko. A série é dividida em três partes e todas serão lançadas durante esse ano (a parte 1 já foi lançada).

Quando Mike e Bryan levantaram a idéia para a Nickelodeon de um filme animado para Tee Search, a rede não se mostrou interessada. A Nickelodeon recentemente fechou as portas para o retorno de Aang e seus amigos para a televisão.

Porém, após a renuncia da Nickelodeon, os criadores apresentaram a ideia do Livro 2 – que acabaram sendo chamados para mais três livros – Livro 2, 3 e 4.

É meio estranho tomar uma posição quanto a isso quando se é apenas um fã. Por um lado, é péssimo pensar que a Nickelodeon recusou uma história que ficaria ótima em um filme de 2 horas, por outro, caso fosse aceito, não teriamos continuação para A Lenda de Korra. Se os próximos episódios sejam realmente bons, talvez tenha sido uma boa opção sacrificar o The Search.

Mas esquecendo o que queremos, vamos pensar como se fossemos a Nickelodeon. Cadê o DINHEIRO? Essa é fácil: A Lenda de Korra seria muito mais assistido do que uma versão animada do The Search. Por que? Porque 52 episódios de 30 minutos rende muito mais do que um filme de 90.

Sem erros; a Nickelodeon não achou uma má ideia trazer The Search para a TV – eles seriam idiotas em pensar que os fãs não iriam gostar disso. Eles apenas viram mais dinheiro nisso.

Qualquer rede de televisão faria a mesma coisa, mas quem sabe mais pra frente?

fonte

O que você achou? Deixe um comentário!

Eduardo Guerra

22 anos, estudante universitário de Design Gráfico e Mídias de Entretenimento. Nascido em Campinas, SP, atualmente mora na cidade de Gold Coast, na Austrália. Adora livros, música e cinema. No site, atua como administrador geral, atualizando o portal sempre que possível e organizando as áreas específicas para a satisfação dos membros.

Você pode gostar...